Exposições

EXPOSIÇÃO

28/08/2019 – Quarta-feira; 29/08/2019 – Quinta-feira; 30/08/2019 – Sexta-feira

8h30 às 16h

“Falando histórias e memórias... relembrando pioneiros que fizeram os primeiros passos para construção dos saberes psicológicos”

PRÉDIO: FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS, ALIMENTOS E NUTRIÇÃO

Mestrado em Psicologia

SALA: 40

Resumo: As exposições terão como objetivo principal trazer um pouco da história da Psicologia com intuito de debater a importância da história e da memória na construção dos saberes psicológicos contemporâneos. Cada parte da exposição irá trazer um aspecto que conta história de pioneirismo na Psicologia seja abordando os eventos realizados pela ABRAPEE ao longo do tempo, seja mostrando um dos psicólogos que habitou a cidade de Campo Grande, sede do CONPE este ano, e que deixou um arquivo de grande valor historiográfico. Serão expostos dados deste pioneiro e também de protagonistas da área de Psicologia Educacional e Escolar que faleceram recentemente (como homenagem póstuma) e também como um histórico dos encontros dos profissionais da área no Brasil desde os anos 1990. Além disso, será colocado a disposição dos participantes o vídeodocumentário: A Psicologia Educacional e Escolar em São Paulo – A construção de um novo homem”.

Proponente(s) Organizadores do conjunto das EXPOSIÇÕES

Carmem Sílvia Rotondano Taverna (Unicapital-SP), Deborah Rosária Barbosa (UFMG), Renato Batista da Silva (UFMG), Marilene Proença Rebello de Souza (USP), Rodrigo Lopes Miranda, Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Ana Camila Marcelo (Universidade Católica Dom Bosco -UCDB), Ana Maria Del Grossi Ferreira Mota (UCDB), Lourdes Rosalvo da Silva dos Santos (UCDB), Heloísa Bruna Grubits Freire (UCDB).


"Memória dos 29 anos de história da ABRAPEE"

LOCAL: Escola de Administração e Negócios – ESAN

HALL DE ENTRADA

RESUMO

Esta exposição conta os vinte e nove anos da ABRAPEE, por meio dos seus Congressos Nacionais. Trata-se de uma produção realizada com os cartazes de todos os CONPEs. Essa exposição tem o objetivo de levar a público os diferentes eventos realizados em diferentes cidades desde o ano de 1992 até o presente momento. Desde os primeiros eventos é possível ver as temáticas que envolviam os psicólogos escolares como a definição de sua identidade e papel na sociedade, o envolvimento com as políticas públicas, a educação para todos e defesa de uma educação pública e de qualidade para todos. Ao longo dos anos o CONPE foi para cada canto do país sendo que foram várias regiões que receberam o evento entre as elas: Paraná, Bahia, Minas Gerais, São Paulo,

Para se ter uma ideia do crescimento do evento, o primeiro CONPE contou com 108 atividades entre pesquisas, práticas, mesas-redondas e apresentações de trabalhos e o XI CONPE este número subiu para 483 atividades. Ao longo de todos esses anos mais de 10 mil psicólogos e educadores estiveram em algum dos CONPEs prestigiando as atividades. Neste sentido nota-se a importância de se estudar esse evento que já se constituiu como um importante espaço da área de Psicologia Educacional e Escolar para consolidação da mesma no Brasil.

Organizadoras: Carmem Sílvia Rotondano Taverna, Deborah Rosária Barbosa, Marilene Proença Rebello de Souza

Financiamento: ABRAPEE.


“História e Memória como Vetores de Ensino: Arquivos Reinier Rozestraten”

PRÉDIO: FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS, ALIMENTOS E NUTRIÇÃO

Mestrado em Psicologia

SALA: 40

RESUMO

Nos últimos anos, no Brasil e alhures, uma tarefa premente na História da Psicologia tem sido a constituição e desenvolvimento de arquivos históricos. Esses arquivos encerram documentação primária e secundária que, em conjunto, permitem a preservação da memória da Psicologia. A memória preservada permite compreender condições de produção da Psicologia como ciência e profissão, bem como, a reflexão sobre seus compromissos com a contemporaneidade. Diante disso, desde 2015, realiza-se um trabalho de constituição de um arquivo histórico vinculado a Reinier Johannes Antonius Rozestraten (1924-2008) na Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), localizada em Campo Grande, Mato Grosso do Sul (MS). Rozestraten, nascido na Holanda, mas naturalizado brasileiro, teve trabalhos seminais em Psicologia do Trânsito, no país. Além disso, atuou em diferentes sociedades de Psicologia, e.g., Sociedade Mineira de Psicologia e Sociedade de Psicologia de Ribeirão Preto. O trabalho de preservação da memória deste pioneiro se organiza com a identificação, classificação e catalogação de fontes que se encontram encerradas na UCDB, instituição em que Rozestraten atuou entre 2002 e 2008, quando de seu falecimento. Os resultados parciais se materializam no processamento de três tópicos vinculados à história da Rozestraten como professor e pesquisador: (a) documentos pessoais; (b) Psicologia Experimental e (c) Psicologia do Trânsito. Dentre os documentos pessoais, foram registrados 128documentos e 84 fotos. Na Psicologia Experimental, estão catalogados 294 documentos organizadas em nove caixas-arquivo, com materiais referentes a variados sub-tópicos e, por fim, na Psicologia do Trânsito, tem-se 169 documentos distribuídos em outras nove caixas arquivos. Na presente exposição, estima-se apresentar fontes primárias e secundárias textuais, tais como atas de reunião, proposta da criação de cursos, etc. Ademais, organizam-se instrumentos de Psicologia Experimental desenvolvidos por Rozestraten para o ensino de Psicologia. Dessa forma, embora o trabalho ainda se encontre em andamento, estima-se que, com a criação do arquivo, seja possível contribuir com a historicização da disciplinarização da Psicologia e suas práxis no país e, particularmente, em MS. Acredita-se, ainda, que a preservação de tais fontes possibilita a disseminação de informações para psicólogos-historiadores interessados na história do campo, no Brasil. Estima-se, por fim, apresentar o arquivo histórico em Psicologia, como recurso de preservação de memória, lócus primordial para a pesquisa historiográfica e espaço didático para a formação, em Psicologia.

Organizadores: Rodrigo Lopes Miranda, Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Ana Camila Marcelo (Universidade Católica Dom Bosco -UCDB), Ana Maria Del Grossi Ferreira Mota (UCDB), Lourdes Rosalvo da Silva dos Santos (UCDB), Heloísa Bruna Grubits Freire (UCDB).

Financiamento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Universidade Católica Dom Bosco (UCDB)



“Memórias Póstumas de Pioneiros da Psicologia e Educação: homenagens”

LOCAL: AUDITÓRIO GLAUCE ROCHA

RESUMO

A partir de homenagens anteriormente realizadas no Congresso Ciência e Profissão do ano de 2018 que realizou um levantamento de personalidades do mundo da psicologia que faleceram recentemente, foram selecionados aquelas homenagens que versavam sobre pioneiros ou protagonistas da área de Psicologia Educacional e Escolar. Realizar uma exposição como esta é dar um destaque para a história e a construção e preservação da memória daqueles que arduamente forjaram a Psicologia Educacional e Escolar no Brasil, seja contribuindo direta ou indiretamente. Certamente faltarão aqui nomes de muitos que também já partiram e não tiveram seu legado aqui lembrado, não conseguimos acompanhar cada psicólogo na trajetória cotidiana do seu fazer psicológico na psicologia e educação, mas esperamos com essa homenagem a esses psicólogos(as), homenagear todos(as) aqueles(as) que realizaram esforços para que a área se consolidasse. Nunca será tarde para apresentar às futuras gerações os passos já trilhados por esses que partiram da vida, mas entraram na história.

Organizadoras: Carmem Sílvia Rotondano Taverna (Unicapital-SP), Deborah Rosária Barbosa (UFMG), Renato Batista da Silva (UFMG), Marilene Proença Rebello de Souza (USP).

Apoio e Financiamento: CFP e ABRAPEE


VideodocumentárioA Psicologia Educacional e Escolar em São Paulo – A construção de um novo homem”

PRÉDIO: FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS, ALIMENTOS E NUTRIÇÃO

Mestrado em Psicologia

SALA: 40


RESUMO

O vídeo é uma produção institucional do CRP-SP que tem como objetivo contar a história do desenvolvimento da área de Psicologia Educacional e Escolar em São Paulo por meio de depoimentos de professores, pesquisadores e partícipes dessa história.

Organizadora: Carmem Sílvia Rotondano Taverna.

Apoio: Conselho Regional de Psicologia de São Paulo